(11)97394-2261 | 2538-0384 | 3253-5622

Dicas de postura para Gestantes

Postura para Gestantes

Postura para Gestantes

Dores na coluna e gestação

A gestação é um período muito especial para as mulheres, de preparo para a chegada do seu filho, em que ocorrem várias mudanças no corpo. Entre essas mudanças, o ganho de peso e aumento do abdome são as transformações mais notórias. Isso pode trazer algumas consequências para a gestante, que pode começar a apresentar (ou piorar) dores nas costas, principalmente na região lombar. As lombalgias tendem a aparecer da metade para o final da gravidez, período em que se percebe maior aumento de peso. O fato das medicações administradas à gestante poderem afetar o feto, limita muito o tratamento das lombalgias e é assunto de preocupação para médicos e gestantes. Por isso é necessária uma avaliação delicada para cada caso. Inclusive a própria investigação diagnóstica fica limitada pois é um período em que exames com radiação não são indicados por poder causar malformações à criança. Além da mudança de peso, a gestante para manter um equilíbrio de seu corpo, muda o seu centro de gravidade, tendendo a jogar a coluna para trás e abrindo um pouco as pernas para andar, em uma postura característica denominada “andar de pato” ou “marcha anserina”. Essa alteração adaptativa também pode favorecer compressões das raízes nervosas que saem da coluna, causando dor.

Como se prevenir para esse período?

Caso seja uma gravidez programada, é importante durante essa “programação” pré-gravidez passar por um especialista de coluna para avaliar quais as condições da coluna naquele momento, em que ainda se pode investigar com exames adequados, traçando assim alguns riscos e orientações para a futura gestante. A troca de informações entre o especialista de coluna e o obstetra é fundamental para que fiquem determinados quais medicamentos poderiam ser utilizados em caso de dor durante a gravidez.

E durante a gravidez?

  • NUNCA se auto-medicar, devido as interações que as medicações podem trazer durante a formação do feto. Consulte seu médico especialista de coluna que, em discussão com seu obstetra, vai indicar a melhor opção (e mais segura) para sua idade gestacional.
  • Seguir as orientações das dicas gerais para cuidados com a postura.
  • Realizar exercícios de fortalecimento muscular e postura com profissionais que orientarão atividades apropriadas para as várias etapas da gestação.
  • Alternativas como fisioterapia, acupuntura, hidroterapia ou pilates podem auxiliar no controle da dor, desde que indicadas pelo especialista de coluna.