(11)97394-2261 | 2538-0384

Craniectomias

Craniectomias - Informações

Craniectomias

São semelhantes às Craniotomias, porém não se recoloca a placa óssea. Geralmente isso ocorre quando é necessária uma descompressão ao cérebro, como em casos de trauma com edema muito importante, AVC isquêmico, infecções ou tumores no osso do crânio. Na maioria dos casos, se programa posteriormente a recolocação dessa placa (quando possível seu armazenamento) ou colocação de uma prótese (placa ou cimento) procedimento denominado Cranioplastia.

Craniectomias

Na região da nuca (fossa posterior) não necessariamente precisa ser realizados tais procedimentos pois o cerebelo está protegido pelo ossos do crânio e coluna além da proteção de uma musculatura mais forte. Nas regiões mais superiores do crânio, essa área aberta fica mais visível. Quando se encontra sem a calota, o fluxo liquórico pode fazer com que essa região oscile períodos com aspecto de estufamento ou escavação, sem significar um sinal de perigo. A manipulação nessa área sem osso não afeta o cérebro, apesar de dar uma impressão ruim inicialmente. Para que o cérebro sofra, é necessário um trauma com impacto maior. Viver sem parte da calota é possível, e não altera em nada o funcionamento cerebral. As únicas questões são o aspecto estético e a falta de proteção naquela área.

AGENDE UMA CONSULTA

Cada técnica cirúrgica está envolvida dentro de uma tática para resolução da patologia a ser tratada e, na maioria das vezes, não pode ser alterada. Em alguns casos, quando mais de uma opção de abordagem estiver disponível, as particularidades de cada uma (riscos, resolutividade, cicatriz) devem ser discutidas com seu médico para que possa ser alcançado o melhor resultado possível.
Posso te ajudar?